Arturo Vidal é hospitalizado após testar positivo para Covid-19

0

Por Redação do ge — Santiago, Chile

O meio-campista Arturo Vidal precisou ser hospitalizado após ter sido infectado pelo novo coronavírus. Por causa disso, ele estará fora dos próximos compromissos da seleção do Chile pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, contra Argentina e Bolívia nos dia 3 e 8 de junho, respectivamente.

 

A comissão médica da seleção do Chile informou na noite de segunda-feira que Vidal apresentava um quadro febril. Horas depois, a federação chilena divulgou que ele testou positivo para Covid-19 no exame realizado no mesmo dia.

Vidal já havia sido isolado do resto do grupo, como medida preventiva adotada pela equipe médica. O Chile não apresentou outros quatros positivos de coronavírus nos testes de segunda-feira.

O meio-campista da Internazionale de Milão esteve em contato com uma pessoa infectada assintomática. Ele se manifestou nas redes sociais sobre a sua condição e mandou uma mensagem para os trabalhadores da área da saúde, e para a população em geral também.

— Infelizmente, durante os testes descobri que testei positivo para Covid, depois de me encontrar com um amigo assintomático. Desta vez não poderei estar em campo, mas apoiarei meus companheiros com todas as minhas forças. Agradeço a todos os trabalhadores da saúde que estão lutando contra esse enfermidade. E peço, por favor, a quem possa: se vacine! — declarou Vidal.

Lembrando que o jogador já havia recebido a primeira dose de vacina contra o coronavírus no dia 28 de maio, enquanto estava concentrado com o resto da seleção chilena para os próximos jogos pelas eliminatórias sul-americanas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *