Pivetti apostou em quatro atacantes de ofício contra o Londrina, e Iury diz que teve mais liberdade: “Me senti à vontade”

0

Por Redação do ge — Maceió

O técnico Bruno Pivetti mudou a formação ofensiva do CSA contra o Londrina. Tentava achar o quarteto que desse mais poder de fogo ao time e escalou Silvinho no lugar de Nadson. O tripé de frente foi formado por Iury, Yago e Dellatorre.

Iury disse que ficou mais livre no jogo de domingo para se movimentar no ataque. Ele vem atuando mais pelas pontas.

– Tive liberdade neste último jogo. É uma posição que já fiz em vários momentos da minha carreira dentro de campo. Me senti à vontade e o grupo ajudou muito. Estou feliz por isso. Espero manter essa sequência para ajudar ainda mais o CSA na Série B.

O atacante espera que a vitória sobre o Londrina por 1 a 0 ajude o time a evoluir na Série B. Iury acha que a semana vai ser mais tranquila.

– Agora é foco total no Cruzeiro. Vamos enfrentar uma grande equipe, muito forte, e que vem em busca de pontos em nossa casa. Temos que fazer um jogo de muita intensidade para vencermos novamente.

Iury aprovou a atuação contra o Londrina. Na reta final, o CSA foi muito pressionado, mas soube segurar a vitória.

– Série B é exatamente isso, muita luta, entrega e aproveitar as oportunidades. Fizemos um bom jogo contra o Londrina, que tem uma equipe organizada, uma proposta de jogo definida. O mais importante é que conquistamos esse triunfo. O grupo está de parabéns pelo desempenho e quer manter isso nas próximas rodadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *